HARMONIZAÇÃO FACIAL

voltar

A mudança pode começar a partir da construção de um novo sorriso, afinal ele abre portas, estreita relações, e ocupa um local de destaque na sociedade. É impressionante como ele pode ter um papel transformador na vida de uma pessoa. O simples fato de ter uma gengiva exposta, por exemplo, pode causar no psicológico de uma pessoa questões sérias que comprometem outras áreas da vida. Por causa de todas estas questões que vão muito além da aparência, mas que trabalham com a autoestima, a estética do sorriso, e da face, vem sendo estudada de forma bem ampla pela Odontologia, indo além de procedimentos clássicos como clareamentos, implantes, aparelhos ortodônticos, e avançando para pequenos retoques na face com procedimentos minimamente invasivos e injetáveis, utilizando preenchedores com ácido hialurônico/PRF, e aplicações da toxina botulínica. O ácido hialurônico é uma substância encontrada no próprio organismo, e ele atua preenchendo o espaço entre as células, para que fiquem bem hidratadas. Já a toxina botulínica(botox) irá agir em determinados músculos, fazendo com que eles fiquem bem relaxados, equilibrando, consequentemente toda a face. Os efeitos destes procedimentos duram em média de 4 a 6 meses. A transformação do sorriso caminha junto com a harmonização das linhas faciais,um colabora com o outro no sentido de mudar realmente a vida de uma pessoa. Sentir-se bem interfere em fatos cotidianos que nem imaginamos, como tirar uma foto.

Quantas pessoas já ficaram com vergonha de sorrir, seja por causa de algum detalhe no dente, ou porque estão com uma ruga em um determinado lugar, enfim, são muitos os motivos para darmos cada vez mais abertura aos novos procedimentos, principalmente os menos invasivos, para chegarmos bem na maturidade, sem vergonha nenhuma de posar para a foto.

A bichectomia - procedimento de remoção da bola de Bichat ou corpo adiposo da bochecha - tem ganhado cada vez mais adeptos e despertado a curiosidade do público. De acordo com o Cirurgião Plástico e membro titular da SBCP, Eduardo Kanashiro, “a bichectomia é uma cirurgia usualmente estética com o objetivo de melhorar o formato facial através da diminuição da projeção das bochechas. É realizada por meio de uma incisão intraoral de 1 a 2cm, ao nível do segundo molar superior, sob anestesia local.

È um procedimento estético/funcional que visa à redução do volume das bochechas aumentando a evidência da proeminência zigomática e o contorno da mandíbula tornando a face mais harmônica e também propõe aumentar o corredor bucal diminuindo trauma em pacientes que costumam ‘morder’ a mucosa jugal.

Todos os Direitos Reservados. Brasília - 2018